Coronavirus - by dorcronica.blog.br

Você pensa que sabe tudo sobre Coronavírus? Pense duas vezes.

Você pensa que sabe tudo sobre Coronavírus? Pense duas vezes.

Nos últimos dois meses a população do Brasil tem sido sufocada por informações sobre o novo coronavírus. No entanto, a metade dela ainda “não se deu conta” da enrascada em que estamos metidos, os sacrifícios exigidos para superá-la e o tempo que isso vai durar. O progressivo abandono da estratégia de isolamento social prova isso. Este post apresenta um recurso inédito para uma pessoa – pai, mãe, educador(a) ou filho(a) – testar seus conhecimentos a respeito de tudo relacionado ao vírus, aqui e agora. O que ela já sabia, confirma, e o que não, aprende. De todo modo, reduz a incerteza, diminui o estresse e aumenta a prevenção. Sem pagar nada e em questão de minutos.

“O esquecimento humano segue um padrão. Esquecemos exponencialmente. A probabilidade de responder corretamente sobre algo que vimos ou ouvimos na TV se esvai ao longo do tempo e depois se estabiliza.”

– Gary Wolf (Adaptação)

Provavelmente jamais tanta informação sobre um único assunto fora antes despejada sobre os brasileiros do que nos últimos dois meses. Todo mundo, literalmente, já ouviu falar sobre o novo coronavírus.

Peraí, novo coronavírus ou Covid 19? Aliás, que nome esquisito esse: Covid 19… o que significa?

Ok, semântica é irrelevante, claro. O importante é que esse vírus pode matar humanos rapidamente, certo? Sim, sim, mas por que isso? E como mata, afinal? O que ele faz no corpo? Por outro lado, o que uma criança tem que é poupada pelo vírus? Aliás, é poupada mesmo? E falando em criança, será que ela entende por que, semana atrás de semana não pode ver seus amiguinho(a)s? Ou a razão pela qual há menos de um mês os cientistas diziam que o uso de máscara na rua era só para alguns e agora a exigem para todos? E a adolescente que teve o ano escolar implodido por conta de um assunto que não lhe diz respeito, uma vez que o vírus “só pega idoso”? E o casal que sai correr na rua convicto de que “os esportistas têm boa imunidade”? E o executivo que não admite que se isolar em casa seja mais importante que perder o emprego? E essa tal de “ciência” que justifica tudo e nada resolve?

Enfim, muita informação não garante entendimento profundo – o termo em inglês é awareness, “dar-se conta” enfim – do que acontece. E ensejar uma conduta condizente com isso.

Na minha humilde opinião, a metade da população do Brasil ainda “não se deu conta” da enrascada em que estamos metidos, e os sacrifícios exigidos para superá-la e o tempo que isso vai durar. O progressivo abandono da estratégia de isolamento social prova isso.

Resolvi então usar o blog contra uma maré de insensatez coletiva que julgo formidável e irreversível. Espero que não me afogue.

O QUIZ CORONAVÍRUS, recém instalado por aqui, contém mais de 200 afirmações sobre o vírus, a maioria destinadas a Pais e Educadores, e outras para Filhos. No caso destes últimos, áudios e cartuns amenizam a navegação – um modelo de educação online inédito.

Após ficar ciente da afirmação, o visitante crava CERTO ou ERRADO. A resposta correta vem em seguida, sempre acompanhada de uma breve explicação.

A seguir, dois exemplos:

Pais & Educadores

O período de incubação do Covid 19 varia entre 3 e 4 dias.

1. CERTO
2. ERRADO

Explicação:

O período de incubação é o tempo de exposição ao novocoronavírus e o início dos sintomas. Estudos recentes o estimam entre 1 e 14 dias, geralmente 5 dias.

Filhos

1. CERTO
2. ERRADO

Explicação:

Explicação

Toque no "PLAY" acima para ouvir a resposta correta antes de continuar

Todas as 2 afirmações concluídas!


Quer mais coisas assim?

Receba o melhor material diretamente na sua caixa de entrada!
Não se preocupe, não fazemos spam

O banco de dados foi montado com base no que revistas científicas como The Lancet e Nature publicaram a partir do pesquisado na China e posteriormente pelo mundo afora, especialmente na Itália e nos Estados Unidos, os países mais afetados pelo surto viral.

As quase 400 afirmações coletadas originalmente foram depuradas após discutidas em grupos de foco formados por mães e revisadas por profissionais de saúde (ex.: enfermagem, pediatria).

Por fim, tudo foi encapsulado num jogo digital de fácil entendimento uma vez que originalmente destinado a atender as camadas menos qualificadas da população brasileira. Não deu certo. O jogo foi rejeitado pelas duas plataformas digitais que hospedam aplicativos por ser a criação de um indivíduo (eu), e não de uma instituição como os Correios, o Hospital das Clínicas ou a Universidade Federal do Acre. Assim sendo, resolvi verter toda a informação coletada no QUIZ.

  • Por que os pais deveriam fazer o QUIZ? Porque ninguém é perfeito. Mesmo quem já assistiu a inúmeros médicos e cientistas desfilarem pela TV falando sobre o novo coronavírus, não pode estar seguro de saber tudo o que é necessário sobre ele. E ninguém pode saber de antemão qual informação amanhã pode fazer falta para melhor proteger a própria vida e a dos seus familiares.
  • Por que um educador, professor ou diretor de colégio deveria fazer o QUIZ? Porque ao retomar as aulas, escolas e colégios correm o risco de se tornar importantes focos de transmissão viral uma vez que crianças e adolescentes mantêm estreito contato entre si e depois retornam a lares compostos de outras pessoas susceptíveis ao contágio.
  • Por que o seu filho ou filha deveria fazer o QUIZ? Porque até agora 99% da informação sobre o vírus veiculada pela mídia, pelo Ministério da Saúde, pelas prefeituras etc., foi dirigida aos adultos. No entanto, filhos e filhas também tiveram as suas rotinas, metas e liberdade atropeladas por uma ameaça invisível que a maioria acha que não lhes diz respeito uma vez que “só mata os mais velhos”.

Conheça o SUPER QUIZ agora mesmo. Totalmente gratuito e pode salvar a sua vida e de sua família.

LEMBRE-SE: use máscara
Cadastre-se E receba nosso newsletter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONHEÇA FIBRODOR, UM SITE EXCLUSIVO SOBRE FIBROMIALGIA
CLIQUE AQUI