Dor Crônica - by dorcronica.blog.br

Tudo que você queria saber sobre fibromialgia e tinha medo de perguntar

ebook "Fibromialgia - Volume 1"

A fibromialgia é a bola da vez na medicina que cuida de dores crônicas inexplicáveis – ou não específicas, ou como quiser chamar o que provoca sofrimento sem causa aparente. Dentre todos as doenças que apresentam essa característica, essa síndrome/doença crônica é hoje a mais prevalente, no Brasil e em muitos outros países. Esse post apresenta um ebook inédito que destrincha o tema de cabo a rabo, feito para os já diagnosticados com fibromialgia e também para os que pensam vir a sê-lo.

“Se você conhece o inimigo e se conhece, não precisa temer os resultados de cem batalhas.”

– Sun Tzu

Eis a primeira parte de um ebook sobre fibromialgia, que pode ser visto (unicamente) no blog a partir dessa semana.

Ao todo são 92 páginas ilustradas cobrindo os temas seguintes:

  • O que é Fibromialgia.
  • Prevalência & Incidência.
  • Uma Doença Feminina?
  • O que Fibromialgia Não É.
  • É Tudo Imaginação? Está Tudo na Cabeça?
  • Causas e Fatores de Risco.

Essa é apenas a primeira parte, insisto. A Parte II é bastante maior (170 pgs) e cobre temas-chave como Sintomas, Diagnóstico, Tratamentos…

Antes de continuar, um alcance. Seguidores do blog devem estranhar a minha temerária fixação com o tema da fibromialgia. Não por eu estar perdendo o foco – a fibromialgia é mesmo uma modalidade de dor crônica, e dor crônica é uma das cinco áreas médicas em que o blog divulga artigos e posts. Mas pelo fato de essa doença ser atualmente um campo minado da medicina.

Quem por ali transita pode facilmente ser implodido por informações dúbias, desencontradas e, sobretudo, mutantes:

  • um dia a fibromialgia vai deitar uma síndrome (reunião de vários sintomas) e no outro dia ela amanhece promovida a “doença crônica”,
  • para uns ela pode ser tratada com drogas, para outros, nem pensar (além de 6 meses), e
  • o consenso é o de que por cada 1 homem com a doença, há entre 8 e 9 mulheres sofrendo-a, mas a verdade é que a relação é muitíssimo mais ajustada (1 para 2), e por aí vai.

O pano de fundo de tudo isso, porém, é um só e nada alentador: hoje a fibromialgia não tem cura e, pelo visto, para muito(a)s ser diagnosticado com ela, ou suspeitar vir a sê-lo, equivale a receber a pena máxima – e sem ter cometido crime algum.

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

A pretensão do ebook é informar quem padece de fibromialgia, e não quem a trata clinicamente, embora sejam muitos os profissionais da saúde que precisam se informar a respeito. Mas essa é outra história, e como eu ia dizendo, o meu propósito com o ebook é levar informação aos leigos que padecem, ou que acham que padecem, com essa síndrome/doença – às vezes erradamente e por pura ignorância.

A intenção é informar quem padece de fibromialgia, e não quem a trata clinicamente.

Por experiência própria, eu estou plenamente convicto de que saber da dor persistente que a gente sente funciona melhor que uma droga analgésica ou antidepressiva. Informar-se traz uma sensação de autocontrole, motiva a participar do próprio tratamento e, claro, não causa constipação, nem adição. Drogas tiram a dor temporariamente, mas são burras: não inspiram comportamento construtivo no paciente. E sem isso, ele não sai do buraco.

A diagramação do ebook facilita uma leitura ágil e proveitosa. A seguir uma amostra de duas das 92 páginas dessa Parte I:

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

Cada tema exposto possui fontes científicas. O apresentado no ebook é o que há de mais atual e melhor pesquisado sobre fibromialgia – ao menos até ontem porque a fila anda. Eu nada inventei. O meu trabalho não foi propriamente literário, ele consistiu em organizar – e tornar inteligível (em muitos casos) os aportes de duas centenas de pesquisadores – holandeses, australianos, americanos, brasileiros, iranianos, canadenses, alemães, britânicos, espanhóis, suecos… – que, solitariamente ou em grupo, têm hoje algo de valioso a dizer a quem sofre com fibromialgia.

O acesso à Parte I do ebook é gratuito. Sobre a Parte II irei comentar num próximo post. Ela está pronta, mas antes de postá-la prefiro ver a acolhida dada à primeira. Esta é gratuita, basta clicar aqui, se cadastrar no blog e pronto.

Cadastre-se E receba nosso newsletter

4 respostas

  1. Realmente é desesperador sentir dores todos os dias, todas as horas, todos os minutos e segundos da minha vida, seria maravilhoso que a ciência descobrisse uma cura pra essa doença, por que pra mim isso é uma doença é ponto final, eu sou uma pessoa muito doente e sofro muito e ninguém acredita em mim,choro quase todos os dias, é muito triste,que Deus abençoe você que fez essa matéria pra nos ajudar, obg

  2. Dor intensa que me deixa desorientada,disnorteada,sem rumo,sem ação, dor pelo corpo todo da cabeça aos pés,zumbido no ouvido às vezes parece pino de panela de pressão, uma cigarra,aptido,quero fica mais deitada e no escuro de preferência para vê se tudo isto passa e eu voltar ser normal como antes disto tudo acontecer comigo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONHEÇA FIBRODOR, UM SITE EXCLUSIVO SOBRE FIBROMIALGIA
CLIQUE AQUI
Preencha e acesse!
Coloque seu nome e e-mail para acessar.
Preencha e acesse!
Você pode baixar as imagens no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
ATENÇÃO!
Toda semana este blog publica dois artigos de cientistas e dois posts inéditos da nossa autoria sobre a dor e seu gerenciamento.
Quer se manter atualizado nesse tema? Não duvide.

Deixe aqui seu e-mail:
Preencha e acesse!
Você pode ver os vídeos no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o mini-ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas