Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

Retorno ao exercício no pós-Covid

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

O exercício continua sendo um componente chave da reabilitação para pacientes em recuperação de Covid-19. No entanto, há uma orientação limitada sobre como iniciar e progredir os exercícios em populações não atletas no período pós-infecção aguda. “Retorno ao exercício” (após Covid-19) contém informações importantes, seja para as pessoas que trabalham na indústria de prescrição de exercícios e saúde, ou para os próprios ex-pacientes da Covid-19 que desejam recuperar a sua forma física, porém sem sair de casa. O artigo foi publicado recentemente no British Journal of Sports Medicine (BSMJ) e propõe um protocolo de 5 estágios para auxiliar ambos, profissionais e ex-pacientes.

Autores: Dr Aessa Mahmud Tumi e Dr Irfan Ahmed

Por que precisamos voltar a fazer exercício após a Covid-19?

Os dados atuais sugerem que a maioria dos pacientes terá infecções curtas (<2 semanas) autolimitadas por Covid-19 que são tratadas na comunidade por médicos de atenção primária. Para um número pequeno, mas significativo, desses pacientes, no entanto, o caminho para a recuperação é mais demorado, com pacientes sofrendo de sequelas, a denominada “Covid Longa”. Um aplicativo de estudo de sintomas revelou que em 4 semanas (1 em 7 pacientes) e em 8 semanas (1 em 20 pacientes) ainda estão sofrendo com pelo menos um sintoma relacionado à Covid-19.1 Isso inclui fadiga, dispneia, dor no peito, dores musculares, entre outros sintomas multisistêmicos que podem durar vários meses.2

O peso desses sintomas pode ser significativo para os pacientes, tanto física quanto economicamente, já que muitos não conseguem trabalhar e correm o risco de perder seus meios de subsistência.

Na ausência de uma orientação clara sobre a reabilitação segura e como retornar aos exercícios, muitos médicos de atendimento primário aconselham os pacientes a realizarem períodos de descanso prolongado, o que pode causar descondicionamento físico. Isso é particularmente importante para pacientes com Condições de Longo Prazo (LTC) pré-existentes ou aqueles que vivem em países de baixa/média renda e que são desproporcionalmente afetados pela Covid-19 devido a menos acesso a recursos de saúde.3

Propomos que novas diretrizes de “retorno ao exercício” para a população em geral (não atletas) sejam necessárias para devolver os pacientes às funções completas e prevenir a incapacidade de longo prazo após a infecção por Covid-19.4 Isso exigirá uma mudança de perspectiva das partes interessadas médicas e não médicas para priorizar a reabilitação ao lado da sobrevivência e expandir rapidamente nossa capacidade existente de supervisionar a reabilitação física na comunidade.

Figura 1 – Ilustração do modelo de retorno ao exercício do não atleta, incluindo conselhos de segurança e critérios de exclusão

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

Protocolo de Retorno ao Exercício

Este protocolo tem como objetivo reunir intervalos baseados em tempo e progresso durante a reabilitação, ao lado de aconselhamento holístico para abordar sono, nutrição, estratégias de apoio social e saúde mental.

Devido à complexidade das necessidades de reabilitação em alguns subgrupos de pacientes, os seguintes grupos de pacientes devem ser excluídos do protocolo de retorno ao exercício:

  1. Pacientes hospitalizados ou acamados durante o curso da doença (doença moderada e grave).
  2. Pacientes em uso de oxigênio de longo prazo ou que requerem avaliação cardíaca/respiratória antes de iniciar o exercício.

Desafios:

  • Atualmente, temos dados limitados sobre o curso clínico da recuperação em pacientes com doença Covid-19 leve.5
  • Alguns pacientes podem ter necessidades de reabilitação prolongadas na comunidade por até 3-6 meses após a recuperação de Covid-19.678
  • Os médicos de atenção primária responsáveis ​​pelo gerenciamento de pacientes pós-Covid-19 podem não ter acesso direto aos serviços de reabilitação ou acesso a investigações cardíacas ou respiratórias urgentes.
  • Atualmente, a maioria das infecções suspeitas por Covid-19 são diagnosticadas apenas com base nos sintomas, devido à falta de testes de RT-PCR na comunidade.
  • Atualmente, existem diretrizes abrangentes para o “retorno ao esporte” em atletas profissionais9, mas não para pacientes inativos na população em geral.

Tabela – Critérios baseados no tempo recomendados pela NICE para definir pacientes com sintomas persistentes de COVID10

<4 semanas de duração Duração de 4-12 semanas > 12 semanas de duração
Fase aguda Fase sintomática contínua Síndrome pós-Covid-19

O Instituto Nacional de Excelência em Saúde e Assistência (NICE) fornece orientação e aconselhamento nacional para melhorar a assistência social e de saúde no Reino Unido. O NICE é um órgão público executivo não departamental, patrocinado pelo Departamento de Saúde e Assistência Social.

Soluções:

  • A orientação de reabilitação “Retorno ao Exercício” deve focar nas atividades de vida diária, retorno à função e, em seguida, exercício.
  • As diretrizes de “Retorno ao Exercício” seguem uma linha de tempo mais cautelosa e prolongada em não atletas, que leva em consideração sua saúde básica, função pré-mórbida, reabilitação e necessidades ocupacionais.
  • Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas Para necessidades de reabilitação complexas ou prolongadas, um serviço de reabilitação com equipe multidisciplinar regional pode ser necessário.11 Essa equipe forneceria informações sobre fisioterapia, reabilitação, questões respiratórias e cardiológicas etc.
  • Os especialistas em condicionamento físico e exercício podem coordenar planos de reabilitação individualizados para os pacientes.12 Isso pode envolver a realização de avaliações biomecânicas, prescrição de exercícios e revisão holística dos pacientes em uma abordagem multissistêmica.

Etapa 1 – descanso do exercício

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

  • Todos os exercícios focados no treinamento aeróbio ou de força devem ser interrompidos enquanto os pacientes estiverem sintomáticos na fase aguda da infecção.
  • Quando disponível, a oximetria de pulso pode ajudar a orientar a movimentação.1314
  • Técnicas de respiração controlada e estimulada podem ser utilizadas para auxiliar a movimentação e aliviar a falta de ar.15
  • Medidas de higiene são aconselhadas para prevenir a transmissão interna do vírus para contatos próximos (<1.80 m).16 Têm ocorrido vários surtos em instalações onde áreas comuns são utilizadas.17

Etapa 2 – Retorno gradual à função

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

  • Inicialmente, limite o exercício aeróbio a caminhar. Comece alongamento e exercícios de força leves.1819
  • Aumento gradual do exercício aeróbio, limitado a 6/10 em uma escala de taxa de esforço percebido, e exercícios de força de até 40% com uma repetição máxima (1RM) começando com exercícios de peso corporal.2021 Mesmo uma melhora modesta no condicionamento físico pode reduzir os sintomas de falta de ar e ajudar na recuperação pós-Covid-19.22
  • Pacientes incapazes de tolerar exercícios aeróbicos devido à fraqueza dos músculos respiratórios ou doença pulmonar crônica, deve ser encaminhado para um especialista em reabilitação pulmonar ou treinamento supervisionado dos músculos respiratórios.
  • Considere intervenções nutricionais direcionadas (suplementação calórica ou ingestão de proteína> 1,5 k/kg) em grupos de alto risco. Isso inclui pacientes com risco de estado catabólico, que são idosos, frágeis ou apresentam sarcopenia.23

Etapa 3 – Retorno gradual ao exercício

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

  • Aumente o volume do exercício aeróbio com intervalos mais curtos (30-60s) ou sessões contínuas de exercício trabalhando de acordo com os níveis de atividade física recomendados pela OMS.24
  • Procure aumentar a força muscular, bem como a função; a carga de treinamento de resistência pode ser aumentada gradualmente até 70% de 1RM (8-12 repetições, 2-3 séries) para aumentar a força muscular.25
  • A progressão pode demorar mais para pacientes com condicionamento físico inicial baixo (condição pré-mórbida) ou que demonstram descondicionamento pós-infecção significativo.26
  • Quando disponíveis, os oxímetros de pulso e as respostas da frequência cardíaca ao exercício podem ser usados ​​junto com as avaliações do esforço percebido para monitorar a intensidade do exercício.

Etapa 4 – promoção da saúde e metas centradas no paciente

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

  • Pacientes com risco de descondicionamento significativo, como aqueles que ficaram acamados, podem se beneficiar de uma prescrição individualizada de exercícios ou de cuidados secundários para evitar descondicionamento adicional.27
  • Programas de exercícios online ou por meio de aplicativos podem ser usados ​​para promover a atividade física contínua e melhorar a motivação por meio do acompanhamento do progresso. Os exercícios em grupo também podem ser realizados online.28
  • Considere o exame de pacientes de alto risco para identificar fatores de risco, como obesidade, sarcopenia ou fragilidade. Intervenções como prescrição de exercícios, suplementação nutricional ou fisioterapia especializada, melhoram os resultados em longo prazo.
  • Covid-19 pode afetar adversamente a saúde mental dos pacientes, tanto direta quanto indiretamente.2930 Se apropriado, ofereça apoio psicológico, intervenções de higiene do sono e considere o encaminhamento para serviços psicológicos através das vias locais.

Pontos chave

  1. Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas Diretrizes de “Retorno ao Exercício” para não atletas podem ajudar a prevenir o descondicionamento físico e reduzir a deficiência pós-Covid-19.
  2. Pacientes com sintomas prolongados (“Covid Longa”) ou que não progridem no processo de “retorno ao exercício” podem requerer uma abordagem multidisciplinar para reabilitação.
  3. Fisioterapeutas e/ou preparadores físicos são fundamentais, supervisionando programas de exercícios estruturados para pacientes com necessidades complexas de reabilitação.

Para maiores informações, consulte a publicação “Return to exercise” – helping patients to overcome the long tail of Covid-19”, publicado em 18/12/2021 no BJSM.

Cadastre-se E receba nosso newsletter

Veja outros posts relacionados…

nenhum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SAIBA TUDO SOBRE VACINAS COVID-19
CLIQUE AQUI
Preencha e acesse!
Coloque seu nome e e-mail para acessar.
Preencha e acesse!
Você pode baixar as imagens no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
ATENÇÃO!
Toda semana este blog publica dois artigos de cientistas e dois posts inéditos da nossa autoria sobre a dor e seu gerenciamento.
Quer se manter atualizado nesse tema? Não duvide.

Deixe aqui seu e-mail:
Preencha e acesse!
Você pode ver os vídeos no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas