Quiz Ligas de Dor 2 - Dor Crônica - O Blog

. Quiz

Ligas de Dor 2


Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

Ligas de Dor 2 – Afirmação 1 de 7.

Afirmação 1

A ansiedade é uma reação ao estresse que tem características unicamente psicológicas?

1. Certo
2. Errado

Explicação:

A ansiedade tem características psicológicas e físicas. Acredita-se que o sentimento surja na amígdala, uma região do cérebro que rege muitas respostas emocionais intensas. À medida que os neurotransmissores levam o impulso ao sistema nervoso simpático, as taxas de respiração e coração aumentam, os músculos ficam tensos e o fluxo sanguíneo é desviado dos órgãos abdominais para o cérebro. A curto prazo, a ansiedade alerta o corpo. Mas causa tontura, náusea, diarreia e micção frequente. E quando persiste pode prejudicara saúde mental e física.

Afirmação 2

Na endometriose, existem mulheres que não sentem nenhum tipo de desconforto?

1. Certo
2. Errado

Explicação:

Na endometriose, existem mulheres que sofrem dores incapacitantes e outras que não sentem nenhum tipo de desconforto.

Afirmação 3

A dor aguda tem função preventiva, a dor crônica, não?

1. Certo
2. Errado

Explicação:

Que a dor é um alarme que o organismo usa para advertir o cérebro de que algo está errado, isso já é bem conhecido. Mas não é toda dor que tem tal função: só a dor aguda. A dor crônica é uma dor já instalada, por assim dizer. Alertar, nesse caso, não faz sentido.

Afirmação 4

De uma maneira geral, o paciente com dor crônica é assistido com eficácia no Brasil?

1. Certo
2. Errado

Explicação:

A dor crônica é considerada um problema de saúde pública e afeta de 30 a 40% da população brasileira, o que equivale a mais de 60 milhões de indivíduos. Apesar dos consideráveis avanços nas últimas décadas no entendimento da fisiopatologia da dor e na tentativa da implementação de uma abordagem interdisciplinar, o controle inadequado da condição álgica é mais regra do que exceção.

Afirmação 5

O efeito placebo depende 99% de quanto o paciente acredita que o tratamento funcionará?

1. Certo
2. Errado

Explicação:

Vários outros fatores podem ter igual ou até maior importância, dependendo do caso. Entre eles: a natureza da doença, o tipo de resposta que o paciente espera ver, o tipo de mensagens positivas que um médico transmite sobre a eficácia dos tratamentos, e até os genes também podem influenciar a forma como as pessoas respondem aos tratamentos com placebo.

Afirmação 6

A natureza adaptável do sistema nervoso influencia a dor para pior; ou seja, contribui a aumentar a dor?

1. Certo
2. Errado

Explicação:

A neuroplasticidade é a capacidade do cérebro e do sistema nervoso de formar novos caminhos ou sinapses e de se adaptar à mudança. Sabemos que as alterações neuroplásticas podem ser responsáveis pela dor persistente que sentimos na dor crônica – um exemplo de uma adaptação neuroplástica não benéfica. A neuroplasticidade pode ser uma tentativa do sistema nervoso para se adaptar à lesão de uma forma positiva. Mas no caso da dor, ela parece ser o oposto, ou seja, desadaptativa (maladaptive).

Afirmação 7

Fármacos antidepressivos só devem ser usados para manejo da dor crônica, em pacientes diagnosticados com depressão?

1. Certo
2. Errado

Explicação:

Fármacos antidepressivos são moduladores da dor por meio do Sistema Nervoso Periférico e Central. Seu mecanismo de ação envolve bloqueio de receptação de serotonina e adrenalina. Tem ação nos receptores opioides, nos receptores adrenérgicos, na ativação de canais iônicos e provável efeito sobre as citocinas pró-inflamatórias.

Próxima afirmação 1 de 7

Todas as 7 afirmações concluídas!


Quer mais coisas assim?

Receba o melhor material diretamente na sua caixa de entrada!
Não se preocupe, não fazemos spam

Preencha e acesse!
Coloque seu nome e e-mail para acessar.
Preencha e acesse!
Você pode baixar as imagens no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
ATENÇÃO!
Toda semana este blog publica dois artigos de cientistas e dois posts inéditos da nossa autoria sobre a dor e seu gerenciamento.
Quer se manter atualizado nesse tema? Não duvide.

Deixe aqui seu e-mail:
Preencha e acesse!
Você pode ver os vídeos no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas