Coronavirus - by dorcronica.blog.br

Covid-19 pelo mundo afora: 06-12-20

Covid-19 pelo mundo afora: 06-12-20

Os últimos dois boletins começavam comentando a negação, por parte das autoridades federais e estaduais (SP, RJ), executivas e sanitárias, em contorcer a língua de mil modos para negar que havia em curso uma segunda onda. Olhe o gráfico e julgue você mesmo. Se o que vê à direita não é uma segunda Onda, eu sou Napoleão.

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

O papel da(o)s enfermeira(o)s

Enfermeira(o)s passam mais tempo lidando direto com um paciente internado com Covid-19 do que qualquer médico clínico. Ela(e)s se tornaram, de certa forma, uma espécie de substituto emocional para os membros da família que não podem estar presentes para apoiar, aconselhar e oferecer um toque humano. Assim ela(e)s testemunham uma quantidade incrível de sofrimento e morte. Isso têm consequências. Um estudo publicado na revista General Hospital Psychiatry descobriu que 64% das enfermeiras e assistentes médicos em um hospital da cidade de Nova York foram avaliados positivamente para angústia aguda, 53% para sintomas depressivos e 40% para ansiedade – todas taxas mais altas do que as encontradas entre os médicos.

Long Haulers

Um grupo de sobreviventes de longa data de Covid chamado Body Politic pesquisou 3.800 de seus membros em 56 países e descobriu que 85% relataram disfunção cognitiva, 81% tiveram dormência e outras sensações neurológicas, quase metade teve problemas de fala e linguagem e quase três quartos teve alguma dificuldade em trabalhar em seus empregos.

Pérolas de Sabedoria pós-Covid-19: a idiotice é definitivamente universal

Nos EUA, autoridades de saúde estão investigando uma grande reunião de 150 pessoas, em sua maioria sem máscara, realizada no Hilton de Chicago por conta de um casamento – o mesmo dia em que Illinois ultrapassou um marco sombrio de quase 10 mil novos casos e 240 mortes por Covid-19, recorde do ano.

Se e quando vocês chegarem num acordo, por favor, avisem

A última atualização da Organização Mundial da Saúde sobre as diretrizes de segurança recomenda o uso extensivo de máscaras, lavagem frequente das mãos e distância física de pelo menos 3 pés (0.914 m). Seis pés (1,829 m) é o padrão fornecido pelo CDC americano. O Ministério de Saúde brasileiro crava 1,0 metro. O Ministério de la Salud chileno, também. O argentino, porém, vai além até do CDC americano: 2 metros. Entre uma escolha de 90 cm e outra de 180/200 cm pode estar a diferença entre a vida e a morte de alguém. Ou não?

A montanha pariu um rato. Não. Nem sequer isso.

Vocês certamente lembram dos planos para o “Dia D”, evento previsto para outubro no qual o general Pazuello pretendia lançar o “kit-covid” contendo as drogas ineficazes para a Covid-19 que são a cortina de fumaça do governo Bolsonaro. A notícia causou tantas críticas que o ministro desistiu. Mas a propaganda, que custou R$ 3,4 milhões, foi ao ar mesmo assim. Na campanha “Coronavírus, tratamento precoce”, a pasta vende para os brasileiros a ilusão de que existe tal coisa.”

Será que desse mato sai alguma coisa?

Como se dará o comportamento social diante da realidade cada vez mais próxima de uma vacina? A proposta da Pfizer ao governo brasileiro – supondo que o encontre –, protegida por acordo de confidencialidade, expira semana que vem. A da CoronaVac já foi, está a caminho de ou esteve sempre fadada a ser rejeitada pelo Planalto (o Ministério da Saúde fica noutro endereço, longe dali). Os paulistas dizem que começam em janeiro, com ou sem grana do governo central. E o que foi dos acordos antecipados em agosto pelos governos dos estados do Paraná e da Bahia para ter a vacina russa, a SPutin V?

O logístico lá em Brasília declarou – ou deu a entender pelo que trabalhosamente emergiu de sua boca – que ao menos durante o primeiro semestre de 2021 lá de fora só virão migalhas vacinais e que então o Brasil, que tem muito juízo, está onde sempre foi deixado por quem manda, ou seja, ao relento, pendurado pelo pescoço num poste enquanto venta muito. (Isto último ele não disse, a frase é inteligente demais.)

Os testes “elásticos”

A ANVISA, dizem, está pensando seriamente em solicitar da Organização Mundial da Saúde, autorização emergencial para um invento (dela) que pode revolucionar a detecção de bolhas (hot spots) virais em qualquer região assolada pela pandemia: o teste elástico para diagnóstico da Covid 19. Aquele que expira porque ninguém antes percebeu que, sim, um dia os testes expiram, mas que pode ter a sua data de validade estendida por decreto pela ANVISA, e ficar pronto para ser aplicado em seguida na base do “seja o que Deus quiser”. Seis milhões desses testes estão nessa condição.

Vacinação e liberdade individual: incompatíveis?

Pesquisa do PoderData mostra que 59% defendem obrigatoriedade da vacina contra a Covid-19. O número variou 3 pontos percentuais para mais em relação ao último levantamento, feito há um mês. Entre aqueles que dizem que a vacina não deve ser obrigatória, foram 3 pontos a menos. Por outro lado, 67% tomariam vacina contra Covid-19, e 19% não. Em julho, 85% queriam imunizante. A entrada em cartaz da comédia das vacinas, vinda à tona a partir de setembro, terá a ver com essa enorme queda de entusiasmo? No Chile, o Ministro da Saúde informou que a vacina será apenas para quem quer. “Não queremos gente que depois de se vacinar, se passar mal, processe o governo”. You got a point there.

Sem vacinas é que não vamos ficar. A questão é sobreviver até lá.

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas

Fonte: The New York Times

Duas vacinas potenciais contra o coronavírus em desenvolvimento na China desencadearam fortes respostas imunológicas em testes em humanos em estágio inicial, disse a empresa por trás delas. A Clover Biopharmaceuticals disse que as vacinas, uma contendo um adjuvante da GlaxoSmithKline e a outra da Dynavax, induziram respostas fortes, incluindo anticorpos neutralizantes e imunidade mediada por células, de acordo com a Reuters.

Pelo mundo afora

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas Biden promete ser vacinado em público e pedirá aos americanos que usem máscaras durante seus primeiros 100 dias no cargo.

Dr. Robert Redfield, o diretor do Centers for Disease Control and Prevention (CDC) americano declarou que por causa do inverno, o número de americanos mortos pela Covid-19 pode alcançar 450.000 americanos em fevereiro. (Quase dez vezes o número de mortos na Guerra do Vietnã). Essa marca fúnebre pode ser reduzida, ele agregou, se a população adotar medidas simples, como a de usar máscara.

A primeira remessa do governo dos EUA de milhões de doses de vacinas contra o coronavírus, ficará muito aquém da proteção de grupos de alta prioridade, como trabalhadores de saúde, descobriu uma análise da Reuters. Deve cobrir inoculações de 3,2 milhões de pessoas, nada perto do suficiente para os 21 milhões de trabalhadores de saúde dos EUA.

Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas Na França, o governo Macron tenta lidar com um movimento antivacinação no país.
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas Na Espanha, o governo está tentando vacinar 15-20 milhões de pessoas contra o coronavírus, no país de cerca de 47 milhões, até maio ou junho do próximo ano, disse o primeiro-ministro Pedro Sánchez na sexta-feira.
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas A Suécia deve priorizar cerca de 600.000 idosos residentes em lares de idosos, bem como funcionários e parentes dos residentes, para vacinas contra Covid-19, disse o governo.
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas Chipre anuncia nova medida para facilitar o turismo: dispensa de testes de diagnóstico Covid-19 para visitantes vacinados.
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas Casos de Covid-19 no Irã superam 1 milhão.
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas O presidente Rodrigo Duterte, de Filipinas, impôs um dos mais rígidos e mais longos bloqueios de coronavírus do mundo em meados de março, paralisando a economia. As restrições foram parcialmente removidas em junho e os ganhos foram perdidos. Com mais de 436.000 infecções e cerca de 8.500 mortes, as Filipinas têm o segundo maior número de casos e vítimas de Covid-19 no sudeste da Ásia, depois da Indonésia. As Filipinas têm uma população de 108 milhões. Agora o governo proibiu festas de Natal, reuniões familiares e canções natalinas fora de casa. Essa estória lhe parece familiar?
LEMBRE-SE: use máscara
Cadastre-se E receba nosso newsletter

Veja outros posts relacionados…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SAIBA TUDO SOBRE VACINAS COVID-19
CLIQUE AQUI
Preencha e acesse!
Coloque seu nome e e-mail para acessar.
Preencha e acesse!
Você pode baixar as imagens no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
ATENÇÃO!
Toda semana este blog publica dois artigos de cientistas e dois posts inéditos da nossa autoria sobre a dor e seu gerenciamento.
Quer se manter atualizado nesse tema? Não duvide.

Deixe aqui seu e-mail:
Preencha e acesse!
Você pode ver os vídeos no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas