Coronavirus - by dorcronica.blog.br

A covid longa e o coração (que pode ser o seu)

A covid longa e o coração

Desde o início da pandemia, ficou claro que a Covid-19 pode danificar o coração e os vasos sanguíneos enquanto as pessoas estão gravemente doentes. Os pacientes desenvolveram coágulos, inflamação do coração, arritmias e insuficiência cardíaca. Agora, as manifestações cardiovasculares pós-agudas da Covid-19 estão começando a ser caracterizadas.

“Aproximadamente 20% dos pacientes com Covid-19 possuem uma lesão cardiovascular.”

Embora eu não ponha a mão no fogo por essa afirmação, ela não é fake news. Ela foi publicada ano há 18 meses por um grupo de pesquisadores brasileiros.

Agora, um primeiro grande estudo para avaliar os resultados cardiovasculares um ano após a infecção por SARS-CoV-2 demonstra que o impacto do vírus – se maior ou menor do que afirmado, eu não sei – geralmente é duradouro. O risco de 20 doenças cardíacas e vasculares diferentes aumentou substancialmente em pacientes que tiveram Covid-19 um ano antes, em comparação com aqueles que não tiveram.

Os resultados da pesquisa foram apresentados por quatro pesquisadores ligados à St.Louis University (EUA) e foram publicados pela Nature. Eles usaram bancos de dados do Departamento de Assuntos de Veteranos dos EUA contendo 153.760 indivíduos com Covid-19 para estimar riscos associados a resultados cardiovasculares.

Além dos primeiros 30 dias após a infecção, os indivíduos com Covid-19 apresentavam risco aumentado de doença cardiovascular incidente em 20 categorias, incluindo distúrbios cerebrovasculares, arritmias, cardiopatia isquêmica e não isquêmica, pericardite, miocardite, insuficiência cardíaca e doença tromboembólica.

“Por exemplo, veteranos que tiveram Covid-19 enfrentaram um risco 72% maior de insuficiência cardíaca após 12 meses do que aqueles em um grupo de controle que não testaram positivo. Isso se traduziu em quase 12 pessoas infectadas a mais por 1.000 em desenvolvimento de insuficiência cardíaca do que aquelas em um grupo de controle. No geral, os pesquisadores descobriram que mais 45 pessoas infectadas por 1.000 desenvolveram qualquer uma das 20 condições do que os controles não infectados.”1

Atenção! Esses riscos foram evidentes mesmo entre os indivíduos que não foram hospitalizados durante a fase aguda da infecção e aumentaram de forma gradativa de acordo com o ambiente de cuidados durante a fase aguda (não hospitalizados, hospitalizados e internados em terapia intensiva).

Os resultados são “impressionantes… piores do que eu esperava, com certeza”, diz Eric Topol, cardiologista da Scripps Research. “Todos esses são distúrbios muito graves… Se alguém já pensou que a Covid era como uma gripe, este deveria ser um dos conjuntos de dados mais poderosos para apontar que não é.” Ele acrescenta que o novo estudo “pode ​​ser o artigo de Covid Longa mais impressionante que vimos até hoje”.

Os resultados fornecem evidências de que o risco de doença cardiovascular em sobreviventes de Covid-19 aguda é substancial. “Na era pós-Covid, a Covid pode se tornar o maior fator de risco para desfechos cardiovasculares”, maior do que riscos bem documentados, como tabagismo e obesidade, diz Larisa Tereshchenko, cardiologista e bioestatística da Cleveland Clinic.

“Esta é uma evidência clara de danos cardíacos e vasculares a longo prazo. Coisas semelhantes podem estar acontecendo no cérebro e em outros órgãos, resultando em sintomas característicos de Covid Longa, incluindo névoa cerebral”, diz o autor sênior da pesquisa Ziyad Al-Aly, epidemiologista clínico da Universidade de Washington em St. Louis.

Quais poderiam ser as causas? Um mecanismo possível é a inflamação das células endoteliais que revestem o interior do coração e dos vasos sanguíneos. Mas a lista de possíveis mecanismos é extensa, incluindo danos persistentes da invasão viral direta do músculo cardíaco; níveis elevados de mensageiros químicos pró-inflamatórios chamados citocinas que levam à cicatrização do coração; e vírus persistentes em locais não tratados eficazmente pelo sistema imunológico.

Em suma, os resultados da pesquisa em pauta fornecem mais uma prova de que a Covid Longa se perfila como uma doença crônica das mais “encardidas”. Milhões de sobreviventes da Covid-19 irão sofrer consequências a longo prazo, associadas diretamente e indiretamente à doença, sobrecarregando os sistemas de saúde nos próximos anos.

LEMBRE-SE: use máscara
Cadastre-se E receba nosso newsletter

Veja outros posts relacionados…

nenhum

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CONHEÇA FIBRODOR, UM SITE EXCLUSIVO SOBRE FIBROMIALGIA
CLIQUE AQUI
Preencha e acesse!
Coloque seu nome e e-mail para acessar.
Preencha e acesse!
Você pode baixar as imagens no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
ATENÇÃO!
Toda semana este blog publica dois artigos de cientistas e dois posts inéditos da nossa autoria sobre a dor e seu gerenciamento.
Quer se manter atualizado nesse tema? Não duvide.

Deixe aqui seu e-mail:
Preencha e acesse!
Você pode ver os vídeos no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o mini-ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas