Dor nas costas- by dorcronica.blog.br

A causa da sua dor lombar pode ser ignorância, sabia?

A causa da sua dor lombar pode ser ignorância

O conhecimento da dor em geral, e da dor crônica em particular, evoluiu muito nos últimos 50 anos. Contudo, essa evolução não atingiu uma das dores crônicas mais prevalentes no mundo: a dor lombar (ou lombalgia, ou low back pain, como é conhecida no exterior). O advento do modelo biospicoSsocial da medicina, além de descobertas da neurociência, fizeram com que essa dor fosse “repensada” intelectualmente pela literatura científica, mas sem consequências práticas na frente clínica. Se você for médico(a), especialmente no atendimento primário, seria bom saber – apenas por curiosidade – o quanto as suas atuais crenças sobre a dor lombar coincidem com essa “nova maneira de ver as coisas”. Veja nesse post, um teste que irá lhe facilitar essa averiguação. Ah, e se você for um(a) paciente, com maior razão ainda. Ninguém se livra dessa sua dor persistente, pensando como todo mundo.

“Cuidado com o falso conhecimento; é mais perigoso do que a ignorância.”

George Bernard Shaw

Num post anterior eu apontei que a maneira de amenizar uma dor lombar crônica começa por destruir as crenças que a perpetuam. Convicções equivocadas sobre essa dor – o que ela é, as suas causas mais prováveis e, principalmente, o que significa na vida de quem a sofre. Preceitos que integram uma escola médica que a neurociência já ultrapassou.

Como em qualquer profissão, porém, dificilmente alguém muda o aprendido na faculdade e que depois é repetido pela maioria dos colegas. É o caso dos profissionais de saúde em geral, e dos médicos em particular. A compreensão das mudanças no conhecimento da dor lombar crônica, portanto, fica por conta do próprio paciente. Ou seja, você.

Então, que crenças seriam essas e até que ponto você, o paciente, acredita nelas? Eu preparei esse breve questionário a seguir. São 10 afirmações a serem avaliadas em termos de “Verdadeiro” ou “Falso”. Pode responder com calma. Nada de chutes, por favor. E depois cheque as suas respostas no gabarito que está disponível no final.

Quanto maior o número de acertos, mais próximo você está de passar à segunda etapa de um tratamento capaz de aliviar sua dor lombar crônica.

1. A dor lombar (lombalgia) é uma condição médica séria com risco de vida.

FALSO
Ver Resposta →

2. A maioria dos episódios de dor lombar melhora com a idade.

VERDADEIRO
Ver Resposta →

3. No caso da dor lombar, expectativas de recuperação negativas e terapias passivas de enfrentamento da dor estão mais fortemente associados à dor persistente do que danos aos tecidos.

VERDADEIRO
Ver Resposta →

4. Exames de imagem (ex.: ressonâncias magnéticas) determinam o prognóstico da lombalgia no momento, e a probabilidade de se ter deficiência lombar no futuro.

FALSO
Ver Resposta →

5. O exercício gradual e o movimento corporal em qualquer direção são seguros e saudáveis para a coluna.

VERDADEIRO
Ver Resposta →

6. A postura da coluna durante a posição sentada, em pé e levantando, prediz a dor lombar ou sua persistência.

FALSO
Ver Resposta →

7. Um CORE fraco causa lombalgia.

FALSO
Ver Resposta →

8. Movimentar-se e carregar peso é perigoso para a coluna.

FALSO
Ver Resposta →

9. Os surtos de dor estão mais relacionados a mudanças na atividade, estresse e humor do que a danos estruturais na coluna.

VERDADEIRO
Ver Resposta →

10. Tratar da dor lombar é relativamente caro e envolve riscos (ex.: agravamento).

FALSO
Ver Resposta →

O dorcronica.blog.br hospeda inúmeros e variados artigos, posts e e-books sobre dor crônica nas costas ou dor lombar ou lombalgia. Dúvidas sobre as respostas a cada uma dessas dez questões podem ser esclarecidas por essas matérias, localizadas facilmente usando o mecanismo de busca do blog.

Cadastre-se E receba nosso newsletter

41 respostas

      1. O surgimento dessa dor lombar pode ser a deficiência da falta de alguma vitamina ou proteína no corpo ou a falta de se alongar e se exercícios devido a idade que vem chegando.

        1. Pode ser… e pode não ser. Eu recomendaria a você estudar sobre dor lombar. No blog pode encontrar muita informação sobre isso ao acessar o mecanismo de busca (lupinha) digitando “dor lombar”, ou “dor nas costas”.

  1. Nem com pilates me livro da dor, um dia foi de um lado e outro dói outro lado parece que se combinam e nesse frio só aumentam e horrivel

  2. Venho sentindo um incômodo no cóccix ao sentar, já sentia dor na lombar. Não sei se fiz bem, mas parei meus exercícios em casa de pedalar na ergométrica, caminhada no simulador, agachamentos sem peso.
    Por alguns anos – enquanto fiz duas pós- graduações – fiquei muito tempo sentada em frente ao computador lendo ou escrevendo.

          1. Boa noite passei a sentir a região lombar cerca de uns meses sendo que antes não dava muita atenção pois era algumas vezes, agora já é constante eu possuo também artrose nos dois joelhos sendo pior no direito os dois casos tem relação gostaria de uma solução pois trabalho de garçom e vem me atrapalhando a exercer a minha função, fiz raio X da coluna lombar e não acusou como posso diagnosticar e resolver meu problema? Desde já agradeço.

  3. Tenho uma dor crônica infernal nas costas e pernas, já tomei vários medicamentos, fiz ressonância e nada resolve. Muito triste.

  4. Olá, No ano de 2020fui diagnosticada com hérnia de disco.Mas sempre sofri com dor nas costas por conta de uma escoliose desde da adolescência, E agora em 2022,por conta de ser a cuidadora de minha sogra,com Alzheimer, comecei a piorar da coluna lombar,com lombociatalgia,escoliose severa,e ciático. Já me encontro a quase 4 meses assim,fazendo fisioterapia, mais ainda com dor .Ja tomei vários tipos de corticóides e opiniões,mas ate o momento as dores continuam.

    1. Guacyra, pelo visto, você já completou o circuito consulta-diagnóstico-tratamento, talvez mais de uma vez, e não deu certo. Não piore as coisas, desistindo. A falta de bons resultados pode se dever a erros no diagnóstico e/ou no tratamento, seja de médicos ou mesmo cometidos por você. O que me parece que faltou foi uma condução médica única em todo esse tempo de tentativas. Isso tira unidade e foco ao esforço de recuperação. Pipocando aqui e acolá, com intervenções diversas, e sem uma direção clara e persistente, o paciente também se desmotiva. Se for o caso, veja se insiste sem incorrer nesse erro. Mas insista, não desista. E espero que você não me culpe por não oferecer uma solução mais concreta para uma situação tão desesperadora como é a sua. Julio

  5. Tenho dores crônicas coluna cervical e lombar toda disfunções sem hérnias mas bicos artrose reducoes de espaços.Ultimamente forte dor lombar bumbum irradiando para perna devido a compressão de raiz L4 e 5.Muita dor.O que fazer?

    1. Fátima, o Blog Dor Crônica não pode dar conselho profissional ou psicológico específico já que somente um profissional especializado tem condições de fazê-lo. O Blog é um canal informativo. Mas, eu posso, sim, dar uma opinião sobre a quem consultar: no seu caso, parecem pertinentes um médico ortopedista ou um fisioterapeuta/osteopata (em segunda instância).
      Documente TUDO o relacionado a sua dor (intensidade, horários de pico, gatilhos…) e a seu comportamento relacionado a dor (medo, distração, repouso…) durante 5 dias para apresentar ao profissional, e realizar junto com ele ou ela, um diagnóstico. Eis o único primeiro passo que você precisa dar. At., Julio

  6. Tenho dor lombar( lado esquerdo) persistente. Tenho limitações para pegar peso. Já fiz pilates,mas não resolve. Quais exercícios você me recomenda para alívio da dor.

    1. Ana Lúcia, um blog não está autorizado a emitir recomendações médicas, mas eu posso opinar. Você pode encontrar diversos exercícios recomendados para a dor lombar em várias partes deste blog (por exemplo, veja: https://www.youtube.com/playlist?list=PLq5qQgkNRep_ImA01D2a9PC-7shlZeS_d). Contudo, eles são recomendados para manter um bom estado físico sem provocar ou agravar a dor lombar se ela já existe. Exercícios de Pilates dificilmente aliviam ou eliminam a dor lombar. Mal escolhidos, ou mal praticados, podem agravá-la. Por coincidência, eu acabo de aliviar por completo uma dor lombar (lado direito e que eu imaginava ser crônica535) com apenas dois exercícios isométricos recomendados por um osteopata, em apenas um mês. Mas isso é anedótico, não é uma recomendação: cada caso é um caso. Julio

  7. Tenho dor forte na lombar, que atinge a perna,hérnia de disco,desgaste degenerativo, e escorregamento da verba para a parte interna, já fiz bloqueio na lombar e ainda continuo com dor

  8. Olá, eu tive hérnia de disco na lombar e fiz cirurgia 2 vezes isso já faz 15 anos e agora estou com estenose lombar não consigo ficar de pé ou andar. É muita dor. Como posso tratar?

  9. Bom dia!fiz uma artrodese lombar coloquei 13 parafusos duas hastes e tirei três hérnia de discos,estou com 4 meses de operada,e continuo com muita dor e com dificuldade de andar.

  10. Tenho dores na lombar,com maior intensidade do lado direito..Parece que tem algum objeto fincado nas minhas costas,já fiz todos os tipos de tratamentos e não obtive resultados.

    1. Sônia, ignoro que tratamentos foram feitos, mas se me permite opinar…você deveria insistir em achar o médico certo, que esteja capacitado para fazer um diagnóstico certo. Uma dor lombar, mesmo que penosa, pode ser inofensiva ou não, no que diz respeito a saúde como um todo. A sua causa pode ser hepática, por exemplo. Cuidado com desistir. Não incorra nesse risco.

  11. Estou em tratamento a cinco anos, tomei muito corticóide e hoje tomo pregabalina 150 mg. Sofro muito com dores todos os dias, e tenho só prontusão com compreensão. Pode apenas uma prontusão trazer tantas dores? Sofro demais mesmo fazendo fisioterapias e acunputura. Sinto chok nas pernas, formigamento nos pés, muitas dores nas pernas principalmente a noite qdo me deito.

    1. Lucia, a protrusão discal é uma condição que ocorre quando o disco entre duas vértebras na sua coluna vertebral se expande ou se rompe. Isto pode fazer com que o disco pressione os nervos da sua coluna, levando a dor, dormência e fraqueza nos seus braços ou pernas. Ou seja, sim, uma protusão pode estar associada a seus sintomas. Mas é apenas uma possibilidade até ela ser confirmada/diagnosticada por um médico. Além disso, após 5 anos de sofrimento você provavelmente já está hipersensível e hipervigilante em relação a suas dores, e assim ajudando com sua mente a sentir mais dor. Leia o mini e-book (https://www.dorcronica.blog.br/ebooks/a-minha-dor-nas-costas/) sobre dores na coluna e depois converse com seu médico.

  12. Ha 15 anos sinto dores no ciático lado esquerdo fiz ressonância fui diagnosticada com hernia discal fui avaliada duas vezes pra cirurgia pra colocar três pinos.So não fiz por causa da saúde da minha mãe que faleceu a alguns meses, estou fazendo tratamento e com muita dor.Passei no Dr ele olhou o exame e disse que não tenho nada na coluna que meu problema é inflamação no quadril sendo que essa dor comecei a sentir faz dois meses já não entendi mais nada agora vou fazer ressonância do quadril estou tomando pregabalina e fazendo fisioterapia aí me atrapalhou a cabeça.

    1. Neide, para entender o que é necessário no seu caso, você precisa se informar sobre a sua condição (dor lombar). Não se entende o que não chega ao cérebro, simples assim. Sinto muito, mas se não o fizer continuará no escuro. Para começar, leia este artigo do Paul Ingraham (https://www.dorcronica.blog.br/a-dor-e-estranha-parte-1/) e o ebook sobre exames para a dor lombar (https://www.dorcronica.blog.br/ebooks/a-minha-dor-nas-costas/). At, Julio

  13. Tenho artrite e fibromialgia escoliose agora com muita dormência nos pé e pernas quadril asiático descobri que estou com hérnia de disco asiático inflamado artrose bico de papagaio não consigo mais fazer nada fico mais deitada do que em pé sinto muita dor

    1. Suponho que você quis dizer “dor ciática”. A dor ciática ocorre quando o disco herniado comprime mecanicamente uma raiz nervosa. Essa compressão de raízes nervosas provoca dor, sensação de adormecimento ou fraqueza na região do corpo onde esse nervo exerce sua função. Quando o disco se situa na região lombar baixa (mais comum), pode ocorrer dor ciática. Eu nunca recomendo ninguém para nada, no que diz respeito a problemas de saúde. Mas veja esse site e se informe melhor sobre a sua condição, se interessar: https://clinicapinheirofranco.com.br/doencas_da_coluna/o-que-e-dor-no-ciatico-ou-ciatica/

  14. Tenho problemas de artrose no fêmur, quadril, hérnia de disco, agora surgiu dor no meio da nadega esquerda. Qdo piso no chão, parece que enfiam uma faca. Faço hidroginástica 2vezes por semana. Pode ser algum exercício que estou fazendo?

    1. Pode ser, e pode não ser. Resta saber se foi essa a causa primeira da sua dor na nádega, ou apenas é coadjuvante de uma dor antiga inserida num quadro clínico complexo como é o seu. Obviamente, essa dor parece relacionada ao nervo ciático, mas isso é cultura popular, qualquer um pode arriscar esse palpite. Veja o diagnóstico de um médico. Reumatologista, de preferência (ou ortopedista, em segundo lugar).

  15. Sinto muita dor lombar, os dois lados, principalmente quando estou cuidando da limpeza da casa, é tanta dor que tenho que parar e deitar de costas pra melhorar. Isso todos os dias, já pensei ate em comprar um colete sem indicação médica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONHEÇA FIBRODOR, UM SITE EXCLUSIVO SOBRE FIBROMIALGIA
CLIQUE AQUI
Preencha e acesse!
Coloque seu nome e e-mail para acessar.
Preencha e acesse!
Você pode baixar as imagens no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
ATENÇÃO!
Toda semana este blog publica dois artigos de cientistas e dois posts inéditos da nossa autoria sobre a dor e seu gerenciamento.
Quer se manter atualizado nesse tema? Não duvide.

Deixe aqui seu e-mail:
Preencha e acesse!
Você pode ver os vídeos no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o mini-ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas
Preencha e acesse!
Você pode ler o ebook no blog gratuitamente preenchendo os dados abaixo:
Dor Crônica - O Blog das Dores Crônicas